segunda-feira, 30 de maio de 2016

DJ Nuts - "Máquina de Dança" Episode #11


Rodrigo Velloso mais conhecido como DJ Nuts acaba de lançar uma mixtape realmente única e histórica (também não é pra menos), Nuts reuniu exatamente 120 músicas numa sequência com 3 horas de duração contendo a fundação do que hoje compreendemos como Rap e porque não dizer Cultura Hip-Hop.


Resgatando e datando cada época desde a década de 80 através do que rolou de lá pra cá, indo dos sons mais dançantes até chegar aos tempos em que o protesto surgiu, inclusive também estão nessa mix os primeiros registros de nomes hoje já consagrados como GOG, Racionais MCs, RZO, DMN, Câmbio Negro, Pavilhão 9 entre outros.

Senta que lá vem aula de história pra quem já estava e pra quem chegou agora, ouve aí..

MC Kid – Um Toque – 1991 – Musical
Dr. Hype Bass – A real – 1991 – Kaskatas
Radicais do Peso – A real – remix – 1992 – Kaskatas
Sweet Lee – Comandando multidões – 1991 – Kaskatas
Geração Rap – Cuidado – 1989 – Kaskatas
Mister Theo – Cerveja – 1990 – Kaskatas
Karlinhos e DJ Cuca – Melo do Scooby-Doo – 1990 – Kaskatas
Musicar – Electro Rock – 1987 – Kaskatas
Mike & DJ Bacana – Melo do Bastião – Kaskatas
Pepeu – Nomes de meninas – 1989 – Kaskatas
Pepeu & DJ Cuca – Nomes de meninas – Remix – 1992 – Kaskatas
Região Abissal – Falso inglês – 1988 – Gel
DJ Rafa e os Magrelos – Magrelos – 1990 – Kaskatas
Thaide DJ Hum – Claudio eu tive um sonho – Eldorado
Thaide DJ Hum – feat. MC Jack – Corpo fechado – Remix – 1989 – Eldorado
MC Jack – Vício – 19..? – Eldorado
Jacaré – Balanço do jacaré Gererê – 1989 – Gel
MC Jack – Centro da cidade – 1988 – Paralelo
Código 13 – Gritos do silêncio – 1988 – Parelelo
Código 13 – Código 13 – 1988 – Paralelo
GUETO – G.U.E.T.O – 1987 – WEA
Mister Sam – Rapping Duke – 1985 – Young
MC Jarbas – Na onda do Rap – 1988 – Simão discos
Escowa e a Máfia – Estação São Bento – 1989 – EMI
MT Bronks – O dia seguinte – 1993 – Zimbabwe
Alibi – Velocidade aqui é a arma – Discovery
Miele – Melô do Tagarela – 1980 – RCA
Baby Face – Melô do Tagarela 2 – 1980 – Building
Equipe Rádio Cidade – Bons tempos ano novo – 1980 – EMI
Gerson King Combo – Da madureira a Central – 1985 – Lança
Truke – Dá um break – 1984 – RCA
Buffalo Girls – Quero dançar um break – 1984 – Young
Cascatinha – Break do Cascatinha – 1985 – RCA
Eletric Boogies – Break mandrake – 1984 – RGE Black Juniors – Mas que linda estás – 1984 – Young
Villa Box – Break de rua – 1984 – Epic
Dynamic Duo – Dont you know Tim Maia racional – 1989 – Fat records
Dymanic Duo – feat . General G – Situation rap – 19..? – Fat records
MC Mattar – Sos Brasil – 1991 – Kaskatas
Duck Jam e Nação Hip-Hop – Colarinho branco – remix – 1992 – TNT
Racionais MCs – Beco sem saída – 1990 – Zimbabwe
Racionais Mcs – Pânico na zona sul – 1989 – Zimbabwe
Sharyline – Nossos dias – 1989 – Zimbabwe
MC Gregory – Chanceman neguinha – 1989 – Zimbabwe
Ndee Naldinho – Melô da lagartixa – Remix – 1992 – TNT
Ndee Naldinho – E essa mulher? de quem é? – Remix – 1993 – TNT
Ndee Naldinho – Máquina de dança – 1993 – TNT
Região Abissal – Vem cá – 1988 – Eldorado
Radicais do Peso – O peso – 1991 – Rhythym and Blues
Moleque de Rua – Rap do moleque – 1992 – Columbia
Rick & Nando – A realidade – 1989 – RGE
Mister – Melô da chic – 1988 – Epic
Os Metralhas – Rap da abolição – 1988 – Epic
Sampa crew – Não mate a mata – 1990 – Kaskatas
Sampa crew – Não mate a mata – Remix – 1992 – Kaskatas
Derek Sistem Rap – N Natureza – 1993 – Rhythym and Blues
RZO – Pobre no Brasil só leva chute – Remix – 1993 – MA Records
RZO – Pobre no Brasil só leva chute – 199.? – GP Records
DMC Rap – Tributo ao presidente – 1991 – Black Mad
Comando DMC – Tributo ao presidente – Remix – 1992 – Black Mad
Vitima Fatal – Verde e amarelo – 1992 – Chic Show
Sweet Lee – Part. Marcos – Sou Sweet Lee – remix – 1992 – Kaskatas
Peso Pesado GOG – A matança continua – 1992 – Discovery
Baseado nas ruas – Bagulho na sequência – 1993 – TNT
Baseado nas ruas – O cheiro mata – 1992 – TNT
Câmbio Negro – Cadáver ambulante – 1993 – Discovery
DF Movimento – O lado que ninguem quer ver – 1992 – TNT
Pavilhao 9 – Otários fardados – 1993 – Niggaz
Grand Master Ney – Part. Rappin'Hood e Jhonny MC – Violência jamais – 1992 – Rythym and Blues
Balinhas do Rap e seus amigos – Menor abandonado – 1992 – Rhythym and Blues
Duck Jam – Matas verdes – 1991 – Rhythym and Blues
MC Mattar – Mattar matou – 1993 – Hot Line records
The Black Panthers – Abaixo com a Babilônia – 1993 – Kaskatas
MRN – Noite passada – 1992 – Zimbabwe
Face Negra – Nós somos negros – 1992 – Zimbabwe
DMN – Mova-se! – 1993 – Zimbabwe
Racionais MCs – Voz ativa – acapella – 1993 – Zimbabwe
Thaide & DJ Hum – Nada pode me parar – 1992 – TNT
Thaide & DJ Hum – Hip-Hop na veia – 1990 – Eldorado
Decibass – Fumaça – 1993 – Star records
Pepeu e DJ Cuca – Rasta – 1993 – Music X
Pepeu – Ir ao baile – 1993 – Chic Show
Pepeu e DJ Cuca – P de Pepeu – 1991 – TNT
Geração Rap – Pirulitos – 1992 – TNT
Mike – Piu piu – 1993 – TNT
Grupo Som de Assalto – Mulheres – 1993 – TNT
Nelson Triunfo & Funk Cia – Garota fantasia – 1990 – TNT
Rene do rap e DJ Pelé – Regina – 1993 – Kaskatas
Doctors MCs – Garota sem vergonha – 1992 – Kaskatas
Território Negro – Melô do Seu Paulo – 1992 – Kaskatas
Grupo DF Movimento – Você prometeu – 1992 – TNT
DJ Adilson e DJ Cuca – Melô do corno – 1993 – Master records
Master Rap – Pega e balança – 1993 – MA records
Frank Frank – As mulheres querem poder – 1991 – Zimbabwe
Os Metralhas – Mulheres no rap ela sabe o que faz – 1993 – Chic Show
Lady Rap – Condinome feminista – 1993 – Zimbabwe
Luna & DJ Cri – I’m Luna – 1992 – Kaskatas
MC Polmel – Ser um DJ – 1993 – TNT
MC Mister – DJ’s in rapper’s – 1991 – National records
Leandronik – DJ do gueto – 1993 – Discovery
FDS – feat. MC Vappo e Nailton – Miss Zelia – 1990 – Kaskatas
Magrelos – feat. Rosana – Mexa-se – 1991 – Epic
J Clip – Nosso agradecimento – 1992 – Dama
MC Mattar e Grupo Dança de Rua – Situation rap – Footloose rappers
Triple X – Things we do – 1989 – TNT
Os Caveiras do Rap – Surf ferroviário – 199.? – MM produções
Circuito Fechado – Polícia – Discovery – 1993 – Discovery
The Panther MC – Guerra, drogas e sexo – 1993 – Cash Box
Facção Central – Cor – 1993 – Rhythym and Blues
Filosofia de Rua – A cor da pele não influi em nada – 1993 – Rhythym and Blues
Desacato Verbal – Primeiro passo – 1993 – Discovery
Inimigo Público – Expresso a realidade – 1993 – Discovery
Mano Delcio DJ – Brasil – 1992 – Dama
Duck Jam – Coisas Brasil – 199.? – TNT
The Brothers Rap – Rapagode – 199.? – JWC records
Guedes & the Sindicate – Magics wand – 1991 – Bullet
MC Lili e DJ A Coisa – O pó – 1993 – King records
Decibass MCs- Rebeldia sem pausa – 1992 – Star records
Doctor’s Black MCs – Sistema – 1991 – TNT
Sistema Negro – Somos pesados – 1993 – MA records
Rap Sensation – Vem me matar – 1993 – Hot Line records
Ndee Naldinho – Menos um irmão – 1991 – TNT
DJ Cuca – Sambeat – 1989 – Kaskatas
DJ Cuca e DJ Adilson – Melô da putaria – 1992 – MA records
Pepeu – Isso não é justo – Acervo discos
Produto da Rua – Uma peça – 1992 – MA records
Sampa Crew – Eterno amor – 199.? – Kaskatas
Sampa Crew – Foi bom – Remix – 1993 – Sampa Crew Produções
Cajú e Castanha – Embolada – 1975 – Soma

Disponível na íntegra para audição via Mixcloud.

+info:

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Philliaz - Chave Mestra (Ao Vivo)


Philliaz é um grupo de Ponta Grossa-PR formado por Kah Alves e Bianca que vem se destacando no cenário nacional, chegando devagar mas daquele jeito, fazendo efeito em cada apresentação, sente qual que é das mina...


Consta aqui o registro da sessão realizada por Philliaz no Varandas em Floripa no dia 13/05, realização: KaBrum e DaGoma Produções.

+info:

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Gilber T - Contradições (2016)


Contradições é o terceiro álbum de Gilber T que tem impregnado em seu trabalho o funky, o rap e o soul e faz questão de não se afastar deles nunca, pois os considera suas bases; Eis aqui um trabalho bem diferenciado em vista do que está rolando, altamente recomendado.


01 Daordem (Part. Gerson King Combo e Filipe Fellapi) (04:26)
02 Contradições (Part. Kid Mumu) (03:22)
03 Futuro (Part. Luana Karoo) (04:01)
04 Cristina (03:34)
05 Vai Brilhar (Part. Leonardo Zulluh) (01:25)
06 Sobre as Coisas do Amanhã (03:12)
07 Francisca (03:19)
08 Só Pessoas (Part. De Leve, Pyroman, DJ Corysco e André Dessandes) (03:23)
09 Gold (04:15)
10 Não Há Nada Que Me Convença (Part. Nervoso) (03:04)
11 El Topo (02:54)

Disponível para audição na íntegra via: YouTube.

Capa por Gilber T
Tratamento gráfico e tipografia por Lucas Pires

+info:

quinta-feira, 5 de maio de 2016

Criolo - Ainda Há Tempo (2016)



E acaba de sair o prometido Ainda Há Tempo que ressurge com menos faixas do que em sua primeira estréia, porém, com novos instrumentais para as músicas mais emblemáticas dos tempos em que Criolo ainda era Doido, rs.

01 É o Teste (Prod. Nave) (04:41)
02 Chuva Ácida (Prod. Sala 70) (02:59)
03 Tô Pra Ver (Part. Rael) (Prod. Grou) (04:14)
04 Breáco (Prod. Deryck Cabrera) (02:57)
05 Até Me Emocionei (Prod. Sem Grana) (02:55)
06 Demorô (Prod. Papatinho) (02:18)
07 Vasilhame (Prod. TropKillaz) (02:52)
08 Ainda Há Tempo (Prod. Daniel Ganjaman e Marcelo Cabral) (05:17)

DOWNLOAD

D.D.H. - Direto Do Hospício (2016)


Formado por Mobb e Baco, D.D.H. é uma loucura sem cura, um sigla pesada, insana e soteropolitana que chega daquele jeito, com os dois pés no peito! 


Rap sujo e no capricho pra limpar a cena que estava um lixo, confiram...

01 A SIGLA (03:24)
02 ABRA A CABRA (03:00)
03 BLUESRAP (02:32)
04 SANTÍSSIMA TRINDADE DA SUJEIRA (Part. BEIRANDO TETO) (04:35)
05 SOLITÁRIA (Part. DARK) (03:35)
06 GENÊSIS CRIOGÊNICOS (02:10)

Disponível para audição via YouTube.

+info:

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Dukes - Catuaba Baby! (2016)


Dukes é um dos malucos mais malucos que conheci desde que passei a ouvir Rap, Catuaba Baby! é a melhor prova disso, não apenas de sua loucura quase lúcida mas também de que não existem limites quando se permite trabalhar a criatividade, confiram...


Trabalho idealizado por Dukes com o intuito de entreter e divertir o ouvinte, saindo um pouco dos padrões tradicionais e convencionais do segmento, um disco feito de forma simples, a ideia não é superar nenhum limite de qualidade sonora, e sim a criatividade que o tema pede, passeando pelos campos do romance, loucura e bebedeira. 

Lembrando que o autor não tem a intenção de incentivar qualquer tipo de vício e sim o de propor uma viajem sonora as margens dessa bebida tão saborosa e nutritiva.

01 Quando eu nasci (01:04)
02 Voltei (02:08)
03 Um garoto (02:18)
04 Mais um copo (03:06)
05 Fato ou fita? (02:57)
06 Sem horário (você é igual crack) (01:09)
07 Delírios de Catuaba (02:33)
08 Me dê... Catuaba! (Tributo a Tim) (01:39)
09 Ilegal (02:23)
10 Open bar (03:23)
11 Musa (03:06)
12 Juice no ponto (02:40)
13 Sonhei com você (Tributo a Bootsy) (02:19)


Ficha Técnica:

Letras: Dukes 
Instrumentais e mixagem: Dukes 
Foto: John Fernandes 
Arte: Zagz