sábado, 30 de janeiro de 2016

Submundo90 - O Absurdo da Existência



Submundo90 é a reformulação do antigo grupo Provisórios da cidade de Diadema (na verdade só mudou o nome pois a essência continua a mesma), o trio é composto pelos MC's Fidell e Xandog e pelo DJ Tiu X, "O Absurdo da Existência" é a primeira música dessa retomada, com instrumental de Fidell, e pra quem pensa que eles estão chegando agora o grupo já tem 11 anos de existência (absurda).

+info:

Mais novidades em breve, aguardem...

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Pizzol - Longe - Single (2016)


Longe é novo single do MC e produtor Pizzol que apresenta uma visão de mundo que poucos conseguem enxergar, traduzida nas rimas do próprio em parceria com DonCesão e o grupo Elo Da Corrente, numa faixa produzida por ele junto com Caio, Pitzan e DJ PG.


É o primeiro lançamento de Pizzol desde o Ep Um Dois feito em parceria com DonCesão e lançado em 2012.



Ficha Técnica:

Produzido por Pizzol e Elo da Corrente.
Escrita por Pizzol, DonCesão e Elo da Corrente,
Mixado por Pizzol no estúdio Rapchillian.
Masterizado por Cesrv no estúdio Flapc4.
Capa por Marco Grilo.

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Ni Brisant - Algodão de Fogo (2016)


Nascido no verão de 1985 em Acajutiba-BA, Ni Brisant é pai da menina Flora e dos livros Tratado sobre o coração das coisas ditas e Para Brisa. Pensa que a vida é o que achamos melhor, Poesia é o que a gente sente e o resto é só literatura.

Conhecido como poeta sentimento, Ni é cofundador do movimento cultural Sobrenome Liberdade e do clube de leitura di-ver-gente Ninguém Lê. 

Ni encontra-se perdido.


01 Armadura (02:24)
02 Outro Grito na Madrugada (02:57)
03 Domingo (05:43)
04 Meu Precioso (01:48)
05 Para Brisa (Part. Eduardo Dias) (02:06)
06 Mandinga (Part. Luiza Romão e Victor Rodrigues) (02:45)
07 Manifesto Piriguista (Part. Luiza Romão) (02:04)
08 Se Eu Tivesse Meu Próprio Dicionário (04:23)
09 Revide (02:39)
10 Amizade (Part. Flora) (06:31)

Este trabalho não está disponível para download mas é possível ouvir o disco completo via YouTube.

Disco Independente.
Produção musical: Binho Santana e Wester-Ly 
Masterização: Paulo Barcellos
Estúdio: SigoSom (Periferia Invisível)
Contato: nibrisant@gmail.com
Arte/Capa: Fabio Queiroz Vitor

+info:

Bomb The System (2002)


Com roteiro e direção de Adam Bhala Lough, o filme Bomb The System (2002), lançado no Brasil como Fúria dos Pixadores é um filme/tributo ao graffiti.


Estrelado por Mark Webber este é um filme independente que retrata um caminho um pouco diferente da arte das ruas se comparar ao que acontece no Brasil, mas o princípio é o mesmo, espalhar sua assinatura pelos locais mais difíceis e marcar sua passagem infringindo leis.


Com certeza este não é um filme que vai ficar marcado como um dos melhores que você já viu mas certamente se você gosta de rap com qualidade irá lembrar da sua trilha sonora, que foi assinada por ninguém menos que El-P (Definitive Jux).

Sinopse:

Apesar da trágica morte de seu irmão mais velho durante uma noite de pichação, Anthony (Mark Webber), com Justin (Gano Grills) e Kevin (Jade Yorker), deixa nos muros e prédios de Nova York a sua assinatura. Todas as noites eles marcam presença ao som de muito Hip-Hop para decidirem onde vão atacar. Quando o irmão mais novo de Justin é agredido por um policial que persegue pichadores desde os tempos do falecido irmão de Blest sua gangue declara guerra e resolve pichar a cidade toda. O clima de revolta vai ficando cada vez mais tenso até o inevitável confronto, Agora Anthony (Blest) precisa tomar uma decisão que pode mudar o rumo de sua vida.

Fúria dos Pixadores é um retrato dessa mal compreendida cultura e manifestação artística libertária que envolve pichadores e grafiteiros por todo o mundo.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Zudizilla - Faça a coisa certa (2015)


Antes de acessar o álbum pra ouvir lhes recomendo que parem pra assistir este mini doc sobre o que/quem inspirou, além do processo criativo e a produção de Faça a coisa certa 

Direção: Marcelo Alves

E agora apreciem Faça a coisa certa.


Zudizilla é um artista plástico, designer, e entre as diversas formas de expressão possíveis que a arte abrange encontrou no Rap mais um canal para externar sua vivência e criatividade.
Faça a coisa certa é o sucessor da Mixtape LUZ e do primogênito EP: Foda-se, vale muito à pena conferir...

01. Início (00:33)
02. Yo Yo (03:32)
03. 2090 (02:05)
04. Apoklibz (03:42)
05. Subidas e Descidas (04:03)
06. Ordem Natural (02:43)
07. O Dia Mais Quente do Ano (02:50)
08. Apoteose (03:07)
09. Uhuru (02:26)
10. Febre (02:18)
11. Faça a Coisa Certa (02:59)
12. Nuvens (02:49)
13. Prisma (03:38)
14. Mão Direita / Amor (03:27)
15. Stay Black (00:03)
16. Mão Esquerda / Ódio (02:50)
17. O que eu sei e o que eu vi (Part. Pok Sombra e Henrick Fuentes) (03:28)
18. Final (01:42)

Bandcamp

Gravado e mixado por Rodrigo "Esmute" Farias (A Vapor Estúdio)
Masterizado por Lauro Maia (A Vapor Estúdio)
Selo: Hardcore Pride Records

+info:

MC Marechal - Guerra (Versão Oficial do Filme ou Série Alemão) #VVAR


Pra quem acompanha essa caminhada desde os tempos de Quinto Andar sabe a relevância que tem o trabalho do MC Marechal; A música "Guerra" é prova disso, pois é uma gravação feita através de um celular em plena entrevista que Marechal concedeu a SverigesRadio (Suécia) em julho de 2011 durante sua turnê pela Europa e que acabou indo parar na trilha sonora do Filme/Série "Alemão". 


#VVAR

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Onga Rupestre - Neurose Urbana - Single (2015)


Neurose Urbana é o mais novo single de Onga Rupestre, com participação de RasBurn, instrumental de Só Loop, gravado entre 2013/2014 no estúdio Dos Planos, sente o som...


Letra: Onga Rupestre e RasBurn
Música: Neurose Urbana
Instrumental: Só Loop

+info:

quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Matéria Prima - Pocas (2016)

Como dizem por aí: pocas idéia...


Matéria Prima, soltando rimas em estado puro e cru, imprimindo sua visão particular do mundo á sua volta. Bem na moral, uma linha de cada vez, verso a verso, te levando por caminhos que às vezes não são o que parecem.

As bases são gringas, pela necessidade de algo pronto, pelo clima que propiciam e pelo tamanho perfeito de encaixe com o verso. Por elas serem pequenas também, fortalecem o conceito de que menos é mais...

01. Intro (02:21)
02. Tempo Seco ( poema de Miró da Muribeca - Janela de ônibus ) (02:38)
03. Tecnolorgia (02:00)
04. Robótica (02:21)
05. Tabu (01:42)
06. Realidade Comprimida ( poema: Miró da Muribeca - Não falem poemas tristes ) (03:01)


Mixado e masterizado por EAZY CDA.

+info:

sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

Parteum • 01.01.16

Eis aqui o primeiro trabalho do ano de Parteum, e espero que este seja só o prenúncio de mais lançamentos dele este ano.


+info: