sexta-feira, 24 de abril de 2009

Poezia Krua: Impressões.


IMPRESSÕES.

A anestesia
Cada vez mais freqüente
A lucidez
Cada vez mais ausente
A mente caminha por onde o pensamento soa confuso
O abuso é tudo o que lhe resta pra esquecer
Ao se abster do peso duma realidade que tanto atormenta
Em câmera lenta
A consciência lamenta ter de estar ausente por tanto tempo
Empolgado
Não distingue quando está realmente inspirado ou entorpecido
Tudo é tão parecido
Tudo é tão distorcido
Mal se sabe até onde será conduzido
Seduzido por goles e sorrisos
(estão rindo de mim ou pra mim?)
Os bares estão sempre cheios
Devaneios intermináveis
Todos parecem tão agradáveis
Amáveis mal-amados
Enganados
Caminham apressados pro mesmo fim
Quem dera imaginassem que não seria tão bom assim
Apenas depressões
Por não suportar as pressões dos padrões
Impressionantes impressões
Seqüelas evidentes
Corpos e mentes em conflito
Aflitos, sem nome e nem paradeiro
Todos querem ser o primeiro
Mas quando chegam em segundo
O mundo os engole
E gole após gole
Essa sede nunca termina.
***
por Bruno G. dos Santos.

2 comentários:

  1. NaÊ ta perfeitOoo !! Tu arraza nas palavras !!



    ResponderExcluir
  2. QUE NADA MI, É IMPRESSÃO!

    SÃO AS PALAVRAS QUE ARRAZAM COMIGO...

    RSRSRS

    ResponderExcluir